Horror Oriental – contos fantásticos do sobrenatural asiático, é uma coletânea de contos de autores orientais que datam do século III ao início do XX, que utilizaram das figuras populares sobrenaturais para compor seus contos ou mesmo, são narrativas populares há muito difundidas entre esses povos.

Nessa coletânea, temos contos da região da China registrados por Gan Bao (285-366) e Pu Songling (1640-1715). No Japão, contamos com os contos fantásticos de Koizumi Yakumo – nome nipônico de Lafcadio Hearn (1850-1904), escritor greco-nipo-britânico, além de um conto do povo ainu, registrado por Basil Hall Chamberlain (1850-1935). Da Coréia, Im Bang (1640-1722) traz os relatos fantásticos à ele revelados por conhecidos.

Traduções indiretas de textos recolhidos por estudiosos da área de literatura e antropologia, alguns desses textos inclusive são narrativas orais e foram registrados originalmente em língua inglesa.

Este projeto de traduções inéditas* pretende trazer ao leitor de língua portuguesa um pouco mais do universo fantástico, sobrenatural e sinistro do mundo oriental, em especial dessas três culturas que por séculos mantiveram profundo intercâmbio cultural.

Fantasmas que sangram, cadáveres deambulantes que perseguem implacavelmente os vivos, demônios escondidos sob peles humanas, animais fantásticos, monstros hediondos que atacam os viajantes nas estradas, monges que lutam contra o maligno, aparições e vinganças de além túmulo… Eis o universo sobrenatural e imensamente macabro que permeia a literatura fantástica oriental.

*as traduções dessa coletânea foram publicadas em formato e-book pelos mesmos tradutores que participam dela, portanto são inéditas em formato impresso. Os contos “o caçador do submundo”, “encontro com um dokkaebi”, “a mulher-gato selvagem” e “dez mil demônios” foram traduzidos especialmente para esta coletânea.

METAS

Nós queremos levar este livro, que é uma junção do trabalho de Paulo Soriano (editor e tradutor dedicado à literatura fantástica e de horror, tendo uma editora especialista em traduções do gênero para e-book, a Triumviratos), com a organização e colaboração de Lua Bueno Cyríaco (editora da BuruRu e colunista da revista virtual Clube de Livros) para a feira de literatura de Curitiba: Literatiba, onde será feito o lançamento desse projeto, dia 2 de Novembro de 2018.

O livro

O livro traz a tradução de 16* contos fantásticos asiáticos da região da China, Coréia e Japão em 80 páginas. O formato do livro é de 11cm x 18cm, em papel pólen 80gm (aquele com um tom creme, gostoso de ler), capa colorida fosca.

Estes contos foram publicados e traduzidos em edições de e-book e agora receberão um novo formato de livro de bolso, impressos pela primeira vez.

*(dois contos inéditos foram adicionados devido ao sucesso do projeto)

Os contos que formam esta coletânea são:

JAPÃO

Koizumi Yakumo (1850 – 1904): O devorador de Cadáver, O segredo da morta, A ameaça do supliciado, A aparição.

Basil Hall Chamberlain (1850-1935): O caçador do submundo (conto do povo Ainu)

CHINA

Gan Bao (285-366): O monstro, A promessa e O reencontro

Pu Songling (1640-1715): O cadáver redivivo, A pele do demônio, O fantasma mordido e O espírito da Montanha.

COREIA

Im Bang (1640 – 1722): A mulher-gato selvagem, Dez mil demônios e Encontro com um dokkaebi.

Caso atinjamos a meta estendida de R$ 800, poderemos realizar o livro na imagem, com ilustrações de pinturas em estilo Ukyo-e do século XVII ao XIX, que ilustram o imaginário japonês sobrenatural.

Saiba um pouco mais sobre os autores e escritores desses contos:

Gan Bao (c. 205 — 266 d.C.): Historiador da corte do Imperador Yuan de Jin, foi provavelmente o primeiro escritor na história da literatura a dedicar-se intensamente ao terror e ao sobrenatural. Seu livro “Em busca do Sobrenatural” (“Sou shen Ji”, 搜神记), consiste em mais de quatro centenas e meia de histórias, em sua maioria curtas, compiladas da tradição oral, e em relatos de testemunhas de eventos terríficos, fantasmagóricos, demoníacos e sobrenaturais.

Pu Songling (1640 — 1715) é o autor da famosa antologia “Contos Fantásticos do Estúdio Solitário” (聊齋誌異) que, à maneira do antigo compatriota Gan Bao, contém mais de quatro centenas de narrativas — fantásticas e de terror — inspiradas na tradição oral.

Koizumi Yakumo (1850 – 1904): Nome nipônico de Lafcadio Hearn, escritor greco-nipo-irlandês —, inspirados nas antigas e legendárias tradições fantasmagóricas do Japão, caracterizam-se pela brevidade, simplicidade e objetividade orientais. Yakumo é o autor do livro de narrativas “Kwaidan: Histórias e Estudos de Coisas Estranhas”, publicado pouco antes de seu falecimento. Segundo o autor, a maioria das histórias que compõem o volume foram traduzidas — ou, provavelmente, reelaboradas — de antigos textos em japonês. Filho de mãe grega e pai irlandês, Koizumi Yakumo nasceu na Grécia e viveu na Irlanda, Estados Unidos, Martinica e, finalmente, Japão. Adquiriu a nacionalidade japonesa com o casamento com Koizumi Setsuko, filha de um samurai, em 1896.

Basil Hall Chamberlain (1850-1935) foi professor de japonês da Universidade Imperial de Tóquio a partir de 1886. Primeiro tradutor do Kojiki (relatos de fatos antigos) livro de coletânea de lendas japonesas datado do século VI. Reconhecido por seus estudos acadêmicos pioneiros sobre o idioma dos habitantes de Hokkaido e de Okinawa (ainu e ryukyu).

Im Bang (1640 – 1722): Filho de um governador provincial. Ele era muito brilhante quando menino e desde os primeiros anos gostava de estudar, tornando-se um grande estudioso. Matriculou-se pela primeira vez em sua turma em 1660 e formou-se em 1663. Era discípulo de Song Si-yol, um dos primeiros escritores da Coréia. Em 1719, quando estava em seu octogésimo ano, tornou-se governador de Seul e ocupou também o cargo de secretário do Gabinete.

Recompensas

Além do livro, você pode levar pra casa diversas recompensas! Elas variam de acordo com o valor de cada apoio e todas tem temática oriental. Marcadores importados, marcadores e também caderneta de notas com estampas de papel de origami artesanais da marca Lunares.

Os autores

Paulo Soriano, natural de Itabuna/BA, reside em Salvador/BA, onde exerce a advocacia pública. É autor de “Histórias Nefastas” (Corifeu, Rio de Janeiro, 2008). Mantém na internet diversos sites dedicados à literatura: www.contosdeterror.site, www.contosdeterror.com.br, www.freebookseditora.com, www.triumviratus.net. Organizou diversas coletâneas, dentre elas “A Voz dos Mundos” (Através, Santiago de Compostela, 2016).

A organização dessa coletânea é de Lua Bueno Cyríaco, formada em Artes Visuais e agora aluna de letras japonês da UFPR. Artista gráfica, ilustradora e editora do selo BuruRu editorial, co-editora da revista virtual Clube de Livros. Nesta edição, ela colaborou com a tradução de dois contos: “A irmã raposa e seus três irmãos” e “as três irmãs”. Tem a publicação da tradução de poemas clássicos japoneses Jûsan’nin Isshû – treze poemas do Ogura Hyakunin Isshû, traduzido por Vladine Barros sob sua tutela editorial, apoiado através do Catarse tendo alcançado mais de 500% além da meta!

Tarik Vivan Alexandre é mestre em filosofia pela UFPR e sua pesquisa segue a linha da literatura. É editor do selo Urso editorial e também da revista online Clube de Livros e neste projeto a revisão está sob seus cuidados.

Apoie e adquira o seu exemplar no Catarse clicando aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *